Letalidade violenta no Rio de Janeiro cresce mais no Interior e na Grande Niterói

320

Por equipe IDados

De acordo com o ISP-RJ, o Estado do Rio de Janeiro teve em fevereiro de 2018 uma redução de 9% dos casos de letalidade violenta em relação ao mesmo mês do ano anterior. Foram 618 em 2017 e 561 casos em 2018.

 Porém, vale observar que, na comparação entre os dois meses, os números variaram bastante conforme a região do estado.

A capital fluminense registrou uma queda de 13% – foram 177 casos em 2017 e 154 em 2018. Já a Baixada Fluminense, região mais violenta do Estado, teve uma redução ainda maior, de 27% (foram 233 casos em 2017 e 171 em 2018).

A letalidade violenta em fevereiro deste ano foi maior em duas regiões do Estado: no Interior, que registrou aumento de 13% (foram 143 casos em 2017 e 165 em 2018), e na Grande Niterói, onde o aumento foi de 9% (foram 65 casos em 2017 e 71 em 2018).

Nos últimos seis meses (setembro de 2017 a fevereiro de 2018), em comparação com o semestre anterior (março a agosto de 2017), o Interior do Rio de Janeiro e a região da Grande Niterói também lideraram o aumento da violência no Estado – o Interior com 18% e a Grande Niterói com 25%. No mesmo período, a média fluminense foi de um aumento de 10% da letalidade violenta.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]]]>

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui