IDados no jornal O Estado de S. Paulo: medida que autoriza redução da jornada de trabalho e do salário em 50%

A possibilidade de redução de jornada e de salário está prevista na Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT), desde que seja intermediada pelos sindicatos.

623
redução da jornada de trabalho e do salário
redução da jornada de trabalho e do salário

O jornal O Estado de São Paulo, publicou ontem, dia 18 de março, uma reportagem sobre a medida proposta pelo governo, que autoriza empresas a cortarem em até 50% a jornada de trabalho e o salário dos seus empregados. A ação consta no plano anticoronavírus, lançado para tentar reduzir os efeitos da pandemia na economia brasileira.

Leia também: CRESCIMENTO DA INFORMALIDADE É MAIOR DENTRE OS TRABALHADORES COM ENSINO SUPERIOR

O pesquisador da consultoria IDados Bruno Ottoni foi fonte para a reportagem e afirmou que a medida tira poder dos sindicatos, com o trabalhador negociando a redução diretamente com o empregador. “Não sei se faz sentido implementar esse tipo de medida agora. Ao que tudo indica o estado de calamidade pública está prestes a ser decretado. Com esse decreto, o governo vai poder exceder os limites estabelecidos pelo teto dos gastos e também os limites da lei de responsabilidade fiscal. Isso deve abrir espaço fiscal para o governo tentar ajudar essas empresas a não demitir”, conclui o especialista.

Confira a matéria na íntegra aqui.

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui