Como foi o desempenho na Prova Brasil das redes municipal e estadual nas capitais?

Apesar de alguma variabilidade, a tendência do desempenho é a mesma entre as redes: todas melhoraram no período. Porém, este parece ser o único padrão comum entre as capitais.

11
prova brasil

Os resultados da Prova Brasil 2019 divulgados recentemente mostram uma desaceleração do desempenho médio dos alunos do 5º ano do ensino fundamental, única etapa que vinha mostrando ganhos consistentes desde a 1º edição em 2005 (clique aqui para ver o relatório produzido pela consultoria IDados). Melhorias na educação têm como condição necessária uma boa gestão. Este post discute a evolução do desempenho dos alunos dessa etapa de acordo com a dependência administrativa das escolas.

A figura abaixo apresenta a média em matemática das escolas municipais e estaduais das 10 capitais que possuem entre 30% e 70% de matrículas em escolas municipais. Esse recorte permite que haja escolas suficientes nas duas redes para uma comparação. Apenas as escolas que permaneceram na mesma rede (estadual ou municipal) em todo o período, 2005 a 2019, são consideradas para o cálculo da média do município para cada rede.

Nota-se que, apesar de alguma variabilidade, a tendência do desempenho é a mesma entre as redes: todas melhoraram no período. Porém, este parece ser o único padrão comum entre as capitais.

Em primeiro lugar, há capitais onde a rede municipal vai melhor, como Belém, e há aquelas em que a rede estadual vai melhor, como em São Paulo.

Em segundo lugar, houve períodos em que as diferenças entre as redes foram relativamente grandes, como em Manaus, Florianópolis e Porto Alegre, mas, em ambos os casos, se reduziram ao longo do tempo. Já em Natal e São Paulo há uma tendência de aumento das diferenças.

Há ainda casos em que ora a rede municipal vai melhor, ora a rede estadual vai melhor, como em Macapá, Aracaju e Belo Horizonte.

É nas grandes cidades que se concentra o grosso das matrículas (as 10 capitais consideradas neste post respondem por 8% delas). Os dados sugerem que, mesmo sob os desafios de gerenciamento de tantas escolas, professores e alunos, municipalização não conflita com a qualidade das escolas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.