Salário do idoso cresce mais que dos outros grupos etários

No entanto, o ritmo de aumento passa a ocorrer bem mais lentamente do que o observado no período anterior à crise.

453

Neste post, comparamos o crescimento do salário dos diferentes grupos etários brasileiros. Todas as informações apresentadas partem dos dados da Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) do Ministério da Economia (ME), que trata apenas dos empregos formais e é anual. A análise realizada foca apenas no período entre 2008 e 2017.

A Tabela 1 apresenta o nível salarial, em 2008, para os seguintes grupos etários: (1) jovens (entre 14 e 29 anos), (2) adultos (entre 30 e 59 anos) e (3) idosos (60 anos ou mais). Os dados mostram os idosos, em 2008, com o maior salário dentre todos os grupos etários – mais de 3.400,00 reais por mês. Este valor auferido pelos idosos em 2008 supera largamente o segundo maior salário que consta na tabela, de aproximadamente 2.800,00 reais por mês, recebido pelos adultos.

Resta analisar a evolução dos salários ao longo do tempo por faixa etária. Esta questão é abordada no Gráfico 1, que apresenta o crescimento dos salários entre 2008 e 2017 por faixa etária. Para facilitar o entendimento, a análise do gráfico realiza uma padronização em que todos os salários são medidos como proporção daqueles observados no ano de 2008. Ademais, os salários do ano de 2008 são considerados como sendo idênticos a 100,00 reais.

Ao menos três elementos do Gráfico 1 chamam atenção. Primeiro, o grupo dos idosos é aquele cujo salário mais aumenta entre 2008 e 2017. Mais precisamente, o salário dos idosos cresce mais de 23% entre 2008 e 2017, enquanto tanto jovens quanto adultos contam, no mesmo período, com um crescimento bem menos expressivo, de aproximadamente 14%, nos seus vencimentos. Logo, idosos não apenas partem de salários maiores em 2008 (Tabela 1) como também contam com um crescimento mais expressivo dos seus vencimentos entre 2008 e 2017 (Gráfico 1).

Segundo, a crise de 2015 e 2016 afeta negativamente o salário de todos os grupos etários. Antes da crise, entre 2008 e 2014, o salário de todos os grupos etários apresenta trajetória ascendente. Porém, ocorre uma reversão na tendência de crescimento dos salários a partir de 2014. Assim, no período compreendido entre 2014 e 2016 há uma tendência descendente dos salários de todos os grupos etários.

Finalmente, passada a crise, volta a ocorrer entre 2016 e 2017 um aumento no salário de todos os grupos etários. No entanto, o ritmo de aumento passa a ocorrer bem mais lentamente do que o observado no período anterior à crise. Consequentemente, ao final de 2017, os salários de todas as faixas etárias ainda se encontram em um nível bem inferior ao pico de 2014.

Em resumo, os dados apresentados no presente levantamento mostram que idosos não apenas partem de salários maiores em 2008 (Tabela 1) como também contam com um crescimento mais expressivo dos seus vencimentos entre 2008 e 2017 (Gráfico 1). Os números sugerem que a crise afeta negativamente o salário de todos os grupos etários. Porém, após a crise, os salários de todas as faixas de idade voltam a crescer.

[vc_raw_js]JTNDZGl2JTIwY2xhc3MlM0QlMjJpbmZvZ3JhbS1lbWJlZCUyMiUyMGRhdGEtaWQlM0QlMjI3YmY3MDU1ZC1jOWVmLTQ5ZjktODk4Ni0zZDg5MWYxZTNhYjQlMjIlMjBkYXRhLXR5cGUlM0QlMjJpbnRlcmFjdGl2ZSUyMiUyMGRhdGEtdGl0bGUlM0QlMjJTYWwlQzMlQTFyaW8lMjBkbyUyMGlkb3NvJTIwY3Jlc2NlJTIwbWFpcyUyMHF1ZSUyMGRvcyUyMG91dHJvcyUyMGdydXBvcyUyMGV0JUMzJUExcmlvcyUyMiUzRSUzQyUyRmRpdiUzRSUzQ3NjcmlwdCUzRSUyMWZ1bmN0aW9uJTI4ZSUyQ3QlMkNzJTJDaSUyOSU3QnZhciUyMG4lM0QlMjJJbmZvZ3JhbUVtYmVkcyUyMiUyQ28lM0RlLmdldEVsZW1lbnRzQnlUYWdOYW1lJTI4JTIyc2NyaXB0JTIyJTI5JTVCMCU1RCUyQ2QlM0QlMkYlNUVodHRwJTNBJTJGLnRlc3QlMjhlLmxvY2F0aW9uJTI5JTNGJTIyaHR0cCUzQSUyMiUzQSUyMmh0dHBzJTNBJTIyJTNCaWYlMjglMkYlNUUlNUMlMkYlN0IyJTdEJTJGLnRlc3QlMjhpJTI5JTI2JTI2JTI4aSUzRGQlMkJpJTI5JTJDd2luZG93JTVCbiU1RCUyNiUyNndpbmRvdyU1Qm4lNUQuaW5pdGlhbGl6ZWQlMjl3aW5kb3clNUJuJTVELnByb2Nlc3MlMjYlMjZ3aW5kb3clNUJuJTVELnByb2Nlc3MlMjglMjklM0JlbHNlJTIwaWYlMjglMjFlLmdldEVsZW1lbnRCeUlkJTI4cyUyOSUyOSU3QnZhciUyMHIlM0RlLmNyZWF0ZUVsZW1lbnQlMjglMjJzY3JpcHQlMjIlMjklM0JyLmFzeW5jJTNEMSUyQ3IuaWQlM0RzJTJDci5zcmMlM0RpJTJDby5wYXJlbnROb2RlLmluc2VydEJlZm9yZSUyOHIlMkNvJTI5JTdEJTdEJTI4ZG9jdW1lbnQlMkMwJTJDJTIyaW5mb2dyYW0tYXN5bmMlMjIlMkMlMjJodHRwcyUzQSUyRiUyRmUuaW5mb2dyYW0uY29tJTJGanMlMkZkaXN0JTJGZW1iZWQtbG9hZGVyLW1pbi5qcyUyMiUyOSUzQiUzQyUyRnNjcmlwdCUzRQ==[/vc_raw_js]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui